Eu amo Rio Negrinho

Prefeitura entrega botijão de nitrogênio para o armazenamento de sêmen bovino

O cadastro para adquirir as doses pode ser feito com a Secretaria de Agricultura
01/08/2018 10:08

Nesta segunda-feira, a Prefeitura, através da Secretaria de Agricultura, fez a entrega de um botijão de nitrogênio para o armazenamento de sêmen bovino. O projeto foi realizado com intuito de facilitar a realidade do produtor, que com a qualificação através do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, (SENAR), estará apto a realizar o procedimento por ele próprio.

Para solicitar as doses, o produtor rural deve entrar em contato com a Secretaria de Agricultura para fazer o cadastro no programa e a solicitação do armazenamento para a inseminação. O botijão possui capacidade de 600 doses e as 30 primeiras foram cedidas pela Prefeitura. Acabadas as doses, o próprio produtor poderá solicitar as doses da raça que preferir. “Quando o assunto são os trabalhadores da nossa cidade, o nosso compromisso é sempre buscarmos melhorias em seu dia a dia”, comentou o prefeito Julio  Ronconi.

O botijão de nitrogênio líquido possui isolamento a vácuo, e se destina a conservação do sêmen bovino, sendo que, para tanto, ele deve ser conservado na temperatura de -196º C. Segundo Gelcir, produtor rural, todo o cuidado deve ser redobrado desde o transporte a retirada das doses do recipiente. “Aprendemos no curso esse processo também, já que as doses podem ser danificadas no caminho às residências”, lembra. “Essa iniciativa da prefeitura vai nos ajudar muito, pois antes precisávamos ligar para um veterinário e, conforme a disponibilidade, distância ou somente um animal, ele nem ia”. Solicitações e encomendas podem ser realizadas na Secretaria de Agricultura, através do telefone 3644-1535 ou no endereço rua da Paz, nº 295, centro.

 

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural

Qualificar e aprimorar o meio rural catarinense. Esses são alguns dos objetivos buscados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/SC), órgão vinculado a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc). Mensalmente são oferecidos cursos que abrangem diferentes cadeias produtivas. Os treinamentos são voltados para os produtores e trabalhadores rurais de todo o estado.

A constante atualização as demandas do mercado é outro ponto trabalhado pelo Senar. Cursos desde a inclusão digital na àrea rural, com a inserção de oficinas de como criar um e-mail, navegar no site ou entrar em contato com setores voltados para o produtor, ao fortalecimento das mulheres no campo são trabalhados pelo projeto. Para ter mais informações, basta acessar: http://www.senar.org.br/

Fotos e texto: Thaline Cardoso

Download das fotos em alta resolução
Carregando