Eu amo Rio Negrinho

Peça teatral aborda a Violência Sexual Infantojuvenil

A ação marcou as ações desenvolvidas pela Prefeitura de Rio Negrinho para marcar o Dia de Combate à Violência e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes, que é celebrada nesta sexta-feira, dia 18, em todo o país
16/05/2018 17:00

No palco da Sociedade Musical, o companhia teatral Nós em Cena exibiu a peça “A canção para não ninar”. Na plateia, mais de 500 jovens assistiram as diversas formas que ocorrem a violência e o abuso sexual infantojuvenil. A ação marcou as ações desenvolvidas pela Prefeitura de Rio Negrinho para marcar o Dia de Combate à Violência e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes, que é celebrada nesta sexta-feira, dia 18, em todo o país.

A peça toca na ferida e procura alertar sobre como identificar a violência e denunciá-la. Com classificação etária de 12 anos, no palco os artistas simulam conversas familiares e entre amigos, e que retratam o que acontece em vários lares brasileiros. “É uma peça que mexe, faz as pessoas pensarem, refletirem sobre o que se passa, e identificar o abuso”, explica o prefeito Julio Ronconi, presente na abertura dos trabalhos.

Para ele, é de fundamental importância que as crianças e adolescentes identifiquem quando há abuso ou violência, e que denunciem. Julio falou ainda da importância de se trabalhar a inteligência emocional. Já a secretária de Assistência Social Giseli Ruckl Anton destacou o trabalho desenvolvido por sua secretaria na identificação, combate e encaminhamento dos casos que são registrados em Rio Negrinho.

 

Panfletagem

Nesta quinta-feira, das 14 às 16 horas, o Creas (Centro de Referência em Assistência Social) fará uma panfletagem e mobilização na Praça do Avião, no Centro. O objetivo é sensibilizar toda a comunidade para a ação.

Download das fotos em alta resolução
Carregando