Eu amo Rio Negrinho

Rio Negrinho conta com 90% de cobertura de rede de esgoto

O Samae vem investindo pesado, nos últimos 12 anos, em esgotamento sanitário na área urbana do município
20/04/2018 09:42

Na terça-feira, quando Rio Negrinho comemora 138 anos, uma inauguração colocará a cidade entre os destaques brasileiros. Neste dia, a Prefeitura entrega oficialmente as obras de coleta e tratamento de esgoto, que farão com que Rio Negrinho atinja a impressionante marca de 90% de cobertura por rede de esgoto.

O Samae vem investindo pesado, nos últimos 12 anos, em esgotamento sanitário na área urbana do município. O primeiro convênio firmado para obras de esgoto foi celebrado com a Funasa em 2005, onde os investimento foram superiores a R$ 1 milhão.” Este convênio abrangeu o bairro São Pedro com mais de 300 ligações, interligando inclusive o sistema anterior do loteamento Vida Nova e construção da Estação de Tratamento de Esgoto no mesmo bairro”, explica o presidente do Samae, Gilson Reckziegel.

O segundo convênio firmado em 2007 com a Caixa, teve investimentos superiores a R$ 15 milhões. Este convênio abrangeu os bairros Vista Alegre, Jardim Hantschel, Quitandinha, Cruzeiro, Ceramarte,  São Rafael, Barro Preto, Alegre e Pinheirinho com mais de 2.000 ligações. Contemplou ainda a construção da Estação de Tratamento de Esgoto com capacidade de atender toda a área urbana em mais de 20 anos.

O último convênio firmado em 2012 ainda em andamento, com a Funasa, teve investimentos superiores a R$ 12 milhões. Este convênio abrangeu os bairros Centro, Cruzeiro, Quitandinha, Vila Nova, Campo Lençol, Industrial Norte e Industrial Sul com mais de 2400 ligações. “Desta forma podemos afirmar que foram investidos entre recursos federais e municipais mais de R$ 28 milhões, assentados mais de 100 quilômetros de rede coletora, iniciadas mais de 5.000 ligações”, ressalta Gilson.

Atualmente o Samae possui 2.000 ligações de esgoto conectadas e devidamente executadas, mas com potencial de se aumentar muito este número nos próximos meses. Estão em operação 23 estações elevatórias no sistema como um todo. Com praticamente todas as ruas contempladas com rede coletora de esgoto, e no decorrer dos anos ampliando o sistema com redes auxiliares e nas demais vias, espera-se ampliar a cobertura de ligações ativas de esgoto, coleta e tratamento nos próximos anos. “Contamos hoje com duas estações de tratamento de esgoto e oito sistemas com tratamento tipo fossa e filtro”, detalha o presidente do Samae.

Desta forma, como as obras já se encontram concluídas, os serviços de esgoto em Rio Negrinho podem ser iniciados já neste ano de 2018 e a cobertura em saneamento aumentará ainda mais nos anos seguintes. Mas ao mesmo tempo em que Rio Negrinho terá bons índices de saneamento básico, o Samae aumentará em muito a complexidade de seus serviços ampliando a coleta e tratamento de esgoto. São serviços que demandam muitos profissionais para a manutenção, ampliação de redes, execução de ligações, operação de estações elevatórias e tratamento do esgoto nas ETEs. “Em função destes aumentos na demanda de serviços e tratamento, o Samae dará início ainda no decorrer deste ano as cobranças pela prestação de serviços previstas em lei, atendendo também recomendação da  ARIS - Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento e atendendo a Lei nº 11.445 de 5 de janeiro de 2007 que estabelece as diretrizes nacionais para o saneamento básico”, explica.

 

Conquista

Para o prefeito Julio Ronconi, é uma satisfação enorme colocar a cidade entre os destaques brasileiros na área de saneamento. “Sabemos que pouquíssimas cidades possuem a cobertura que temos. Ao longo dos anos, foi feito um grande investimento, que se refletirá na melhora da qualidade de vida da nossa população e na redução dos gastos com saúde”, diz o prefeito.

 

 

Serviço:

Inauguração do Sistema de Esgotamento Sanitário de Rio Negrinho

Dia 24 de abril, às 11 horas

Na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do bairro Vista Alegre

Download das fotos em alta resolução
Carregando